Experimente estudar ouvindo esse som

A habilidade de manter a mente livre dos pensamentos está diretamente ligada a freqüência das ondas do cérebro. O cérebro em ondas ‘theta’ aliado a uma respiração ritmada pode alcançar estados profundos de meditação, antes só possíveis com anos de prática constante. As ondas cerebrais humanas atingem frequências teta(entre 4Hz e 7Hz) geralmente durante o sono R.E.M. (Rapid Eyes Movement ou Movimento Rápido dos Olhos em português), nesse estado, o cérebro está mais propício a assimilar e reter informações, portanto as binaurais teta são muito úteis para serem usadas durante os estudos; além disso, de acordo com pesquisas científicas, na frequência de ondas theta são liberadas as endorfinas, que são as substâncias naturais do organismo, responsáveis pelos estados de euforia e bom humor. Aproveite a binaural ‘theta’!

Estudar ouvindo esse som

Você já tentou concluir um trabalho, escrever um texto, fazer uma prova e simplesmente sentiu que “travou”? Como se não conseguisse se concentrar ou até mesmo lembrar informações que sempre foram fáceis para você? Nem sempre estamos em um bom dia para atividades que demandam grandes quantidades de informações. Mas, e se pudéssemos mudar isso?

Os ter mais foco, melhorar a memória, estimular sua inteligência e, até mesmo, relaxar. Tudo isso apenas com batidas escutadas em fones de ouvido. Parece mágica? Não é! E vamos explicar como funciona:

Experimente estudar ouvindo esse som

O poder da vibração

Tudo no nosso universo é resultado de energia e vibração. Tudo vibra. E tudo reage à frequência de vibração. O pesquisador japonês Masaru Emoto, por exemplo, fez uma experiência com a água e depois de expor certa quantidade do líquido a palavras, sons ou músicas, ele o congelava e observava seus cristais com microscópio. E as moléculas reagiam de forma diferente a cada estímulo!

Já uma pesquisa recente de cientistas do MIT, nos EUA, revelou que um grupo específico de neurônios do córtex auditivo é estimulado por um trecho de música em particular, não importa qual pessoa os ouça. O resultado é sempre o mesmo. Ou seja, a música tem capacidade de nos causar sensações não porque gostamos dela ou não, mas por processos dentro do nosso cérebro.

E o nosso cérebro quando ouve esse som produz ondas também, que influenciam nosso estado mental. Ondas de frequências diferentes costumam interagir, mas é a predominância de uma delas que guia a nossa consciência em um determinado momento. As diferentes ondas cerebrais são:

  • Ondas Beta: De 13 a 30 Hz. São as ondas mais rápidas e aparecem quando estamos em estado de atenção. Enquanto fazemos nossas atividades normais, trabalhamos, estudamos etc., são elas que estão mais presentes. Sua alta atividade pode acontecer em momentos de estresse e ansiedade.
  • Ondas Alfa: De 7 a 13 Hz. Predominam quando a pessoa está um pouco mais relaxada e são ótimas para o aprendizado, pois, nesse momento, o cérebro parece absorver mais informações. A meditação também acontece em alfa.
  • Ondas Theta: De 3 a 7 Hz. É o padrão do sono REM, a fase em que sonhamos. Representam um grande relaxamento, a criatividade, a inspiração e a reminiscência.
  • Ondas Delta: De 1 a 3 Hz. Esse é o padrão do relaxamento profundo, do sono sem sonhos e do transe.

    Estudar ouvindo esse som

  • Experimente estudar ouvindo esse som
  •  

GARANTIA 15 DIAS

Depoimentos

 
 
Karina Schmidt
Não dá pra estudar mais sem ouvir binaural <3 era o que eu precisava! Gratidão /\
 
Emily Silva
Realmente a concentração aumenta, gostei!
 
 
Veruska Vicente
Nosaaaaaaa é muito bom para estudaaaaaaar